Notícia

02/09/2020

Hospital da Baleia inova com a oferta de um sorvete especial para os pacientes oncológicos

Quando iniciou a quimioterapia no Hospital da Baleia para tratar de um tumor no joelho, Lara Rafaely Silva Barreto, 11 anos, desconhecia os efeitos do tratamento. As feridas na boca, as aftas e a falta de apetite foram alguns dos sintomas apresentados pela garotinha, segundo a mãe dela, Cristiana Pereira Barreto.

O alívio veio com a chegada de um sorvete especial que está sendo oferecido pelo Hospital da Baleia para os pacientes da oncologia e outros que apresentam problemas como a desnutrição, idosos e pacientes em cuidados paliativos. “A Lara já fez 16 sessões de quimio e os efeitos colaterais foram muitos. Sofreu com os machucados na boca, com a mucosite e não queria se alimentar porque sentia muita dor”, contou a mãe.

A paciente da oncopediatria Lara Rafaely comemora a chegada do sorvete especial que alivia as feridas na boca causadas pela quimioterapia

O Hospital da Baleia é o único de Minas Gerais, e o 2° hospital do Brasil, a fornecer o sorvete aos seus pacientes. O produto, que atua como suplemento alimentar, é indicado para as pessoas que precisam de reposição energética e protéica de alto valor (26% de sua composição é proteína), além de minimizar os efeitos da quimioterapia. “Gosto muito desse sorvete, ele é delicioso, principalmente o de morango”, disse Lara entusiasmada com a novidade ofertada pelo Baleia.

A iniciativa de servir o sorvete especial surgiu do setor de Nutrição Clínica que, assim que soube do produto no mercado, logo se movimentou para conseguir recursos para adquiri-lo. São três opções de sabores – chocolate, morango e limão – que têm feito a alegria diária dos pacientes. “Temos pacientes com perfil de desnutrição, pela agressividade da doença ou do tratamento, seja pela falta de apetite devido à internação. São pacientes que sempre nos pedem algo gelado, principalmente as crianças. Foi quando conhecemos o produto, que além de suprir o desejo dos nossos pacientes por alguma coisa refrescante, é um suplemento extremamente nutritivo”, explicou Helena Moss, coordenadora da Nutrição Clínica e Lactário do Hospital da Baleia.

A coordenadora conta que, através da campanha “Nutrição é Vida”, foram arrecadados R$14 mil, recurso suficiente para a compra dos sorvetes especiais por um período de seis meses. Com o dinheiro, também foi possível comprar outros suplementos especiais para as crianças e para os pacientes em tratamento renal.


A equipe da Nutrição com os suplementos alimentares adquiridos após uma campanha de doação realizada na internet

Esta campanha, que foi realizada pelo Baleia na internet, é uma das inúmeras ações idealizadas pelo Hospital e a Rede de Voluntariado Digital Amigos do Baleia ( https://www.amigosdobaleia.org.br/), e conta com o apoio da população para a aquisição de insumos e/ou outros materiais dos quais a Instituição não possui recursos financeiros para comprar.

E a partir desta primeira experiência, a expectativa é que o novo suplemento alimentar passe a configurar como ‘alimento padrão’ na lista de compras da Instituição. “Os nossos pacientes estão adorando, em especial, às crianças. O alimento tem a capacidade de trazer alegria, conforto, cuidado. Sempre iremos trabalhar para proporcionar o melhor para os nossos pacientes; a vida deles é o agora e poder contribuir com a satisfação deles não tem preço”, afirmou Helena.

Sorvete Especial

O ProVita foi desenvolvido por uma equipe de nutricionistas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em parceria com a empresa YPY. O produto é resultado do Trabalho de Conclusão de Residência (TCR) no Hospital Universitário da UFSC, da nutricionista Paloma Mannes, especialista em Saúde com Ênfase em Alta Complexidade.

O produto desenvolvido é rico em when protein e tem em sua composição azeite de oliva extra virgem sem sabor, açúcar orgânico, além de fonte de fibra, zero lactose, zero gordura trans, sem glúten e não contem corante artificial.



Referência em saúde e humanização

À disposição dos mineiros, são mais de 26 especialidades médicas e Centros de Referência em Oncologia Adulta e Pediátrica, Nefrologia (Hemodiálise e Transplante Renal), Ortopedia, Pediatria e Cirurgia Bariátrica e Metabólica, além do Tratamento e Reabilitação de Fissuras Labiopalatais e Deformidades Craniofaciais (Centrare). Construído há 76 anos durante uma outra epidemia tão mortal quanto – a tuberculose – o Baleia sempre se preocupa em cuidar de quem mais precisa. Desde aquela época, a instituição filantrópica conta com a destinação de recursos e doações voluntárias para a cumprir com excelência a sua missão na prestação de serviços de saúde aos mineiros. Todos os anos são mais de 600 mil procedimentos médicos, de 95 mil atendimentos ambulatoriais, de 370 mil exames, de 55 mil sessões de hemodiálise, de 20 mil consultas pediátricas, de 12 mil internações, de 11 mil cirurgias e mais de 33 mil sessões de quimioterapia e radioterapia destinados aos cidadãos de 88% dos municípios mineiros – maioria vinda pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Siga as redes sociais do Hospital da Baleia





PUBLICIDADE

entrevistas

Anuncie aqui